domingo, 15 de março de 2015

Cartografia Turística de Cotijuba (Belém) com o Google Earth Pro

Cartografia Turística de Cotijuba (Belém) com o Google Earth Pro


Luiz Henrique Almeida Gusmão
* Geógrafo e Licenciado pela Universidade Federal do Pará (UFPA)
* Editor chefe, proprietário e Cartógrafo - Blog Geografia e Cartografia Digital de Belém
* Bolsista CNPq - DTI (Desenvolvimento Tecnológico Industrial) no Laboratório de Sensoriamento Remoto na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Amazônia Oriental)
* Instrutor dos softwares de Cartografia e Geoprocessamento: ArcGis, Philcarto, Phildigit, Google Earth, QGIS e Adobe Illustrator aplicado a Cartografia Temática
* Contatos: henrique.ufpa@hotmail.com ou luizhenrique.ufpa@yahoo.com
*Mapas em geral, Cartogramas, Cursos, Palestras e Consultoria em Geotecnologia:  091 (98306-5306) - WhatSApp



1. INTRODUÇÃO

Esta postagem tem o propósito de usar o Google Earth Pro como ferramenta na elaboração de mapas com viés turístico da Ilha de Cotijuba em Belém. O objetivo é mostrar a potencialidade do software para este tipo de mapeamento e concomitantemente auxiliar a divulgação de informações turísticas sobre esta ilha amazônica próxima da capital do estado do Pará que tem muita potencialidade e muitos encantos naturais, mas ainda é muito desconhecida pelos próprios belenenses.

Palavras-chave: Google Earth Pro. Turismo. Cotijuba. Belém. 


2. MATERIAIS E MÉTODOS

Para a elaboração deste trabalho foi usado o software Google Earth Pro para a confecção dos mapas de Ilha de Cotijuba e algumas fontes para a discussão sobre turismo.


3. DESENVOLVIMENTO
3.1 Cartografia Turística

O Turismo é uma prática social que consiste no movimento espacial de uma ou mais pessoas do lugar de residência permanente em direção a outro lugar, em que serão visitantes ou hóspedes, onde devem permanecer por um período mínimo de 24h. Em um lugar turístico, desfruta-se da hospitalidade dos anfitriões com os quais partilham os espaços de contemplação visual, estética e cultural de seu patrimônio, bem como equipamentos de lazer disponíveis.

Segundo (MENEZES, P; FERNANDES, M, 2010), a indústria do Turismo apresenta-se hoje como uma das áreas econômicas mais rentáveis e de maior sucesso, bem como uma das que mais pode gerar emprego, demonstrando a sua importância para qualquer parte do globo. Nesse caso, alguns softwares, como o Google Earth, pode ser usado para elaborar mapas ou figuras de lugares "marginalizados dos principais roteiros turísticos", dando visibilidade e levando mais informações ao público que tem interesse de conhecer o local. 

Em Belém, além dos pontos conhecidos na área urbana, tais como a Estação das Docas, Complexo do Ver-o-peso, Cidade Velha, Museu Emílio Goeldi, Mangal das Garças, entre outros. Há ilhas com um potencial turístico muito grande a menos de 1 hora do centro urbano da capital. Estamos falando a respeito de duas das maiores ilhas de Belém: Ilha de Cotijuba e Ilha do Combu, porém nesse artigo vamos enfatizar somente sobre Cotijuba.

A primeira dista 11 km da Belém Continental e é muito famosa por ter diversos praias lindas, pouco exploradas e distante da poluição ambiental, tornando-se ideal para um bom sossego, banho e ainda para saborear pratos típicos da região amazônica, no qual o seu acesso se dá pela travessia da Baía de Guajará pelo porto em Icoaraci. Já a ilha de Combu dista 2,1 km da cidade e é também  bastante famosa, tendo muitos e bons restaurantes com uma gastronomia tipicamente amazônida, além de ter espaços em contato direto com a natureza, no qual o seu acesso se dá pela travessia do Rio Guamá através do porto Princesa Isabel. Os detalhes podem ser vistos no mapa elaborado com o Google Earth Pro abaixo:


Mapa 01. Localização e acesso a Ilha de Cotijuba em Belém visto no Google Earth

Fonte: Autoria própria no Google Earth
Fonte da imagem: Google Earth (2015)

3.2 Cartografia Turística aplicada em Cotijuba

A travessia da baía de Guajará do porto em Icoaraci até Cotijuba mostra-se bastante agradável e demora cerca de 45 minutos, com vista para ilhas, florestas, mar e a imensidão da área urbana da cidade. A sensação é de calmaria, como se toda a agitação e o estresse da vida urbana ficasse para trás em alguns minutos. A tranquilidade da viagem em barcos tipicamente amazônicos, o chamado "pôpôpô", é um diferencial para aqueles que nunca percorreram os rios amazônicos


Fonte: Coaripolis.blogspot.com

Apesar da viagem ser prazerosa, são necessários maiores investimentos na reestruturação do porto, em um local adequado ao embarque e desembarque tanto em Icoaraci quanto em Cotijuba, pois em alguns pontos a infraestrutura mostra-se precária e de médio porte. As autoridades devem reconhecer a potencialidade da ilha e incentivar o turismo sustentável, garantindo a qualidade desse serviço para os turistas; favorecendo a empregabilidade e o aumento da renda dos habitantes locais, sem impactar consideravelmente o ambiente.

A Ilha de Cotijuba é descrita por muitos como misteriosa, paradisíaca, com muitos encantos naturais, culinários e paisagísticos. Entre as principais atividades turísticas estão o contato direto com a floresta amazônica; o banho nas praias de rio (2); a degustação de pratos típicos como peixes e crustáceos; a caminhada por trilhas; a contemplação da paisagem tipicamente amazônica e a prática de esportes aquáticos. 


Mapa 02. Principais Praias de Cotijuba em Belém
Fonte: Autoria própria no Google Earth Pro

Conforme o mapa acima, Cotijuba possui 6 praias principais, todas distribuídas na porção oeste da ilha. Normalmente as pessoas costumam ir mais na Praia do Farol, do Amor e da Saudade porque são mais próximas do ponto de chegada e sem custo, pois é possível ir a pé. Por outro lado, ainda há praias pouco exploradas pelos turistas, principalmente no norte, com destaque para a Praia Funda, Flexeira e Vai-quem-quer (A última é a melhor e a com uma infraestrutura melhor, porém é a mais distante e com custo de apenas R$4,00 para o transporte). Em 25 minutos você pode chegar na praia do Vai-quem-quer via terrestre e apreciar as suas belezas naturais.


Mapa 03. Principais Atrativos da Praia do Vai-quem-quer

Fonte: Autoria própria no Google Earth Pro

Segundo o mapa, na Praia do Vai-quem-quer há muitos atrativos, como o banho em águas doces distante da poluição ambiental, a possibilidade de praticar ciclismo, iatismo ou canoagem (Equipamentos próprios), a caminhada em trilhas e jogo de futebol de areia são opções que os visitantes podem aproveitar (Figura 2, 3, 4 e 5). Ainda é possível se deliciar com pratos típicos da Amazônia nos restaurantes que tem principalmente no oeste desta praia.  

Figura 2. Praia do Vai-quem-quer

 Figura 3. Cadeiras na Praia do Vai-quem-quer


 Figura 4. Praia da Flexeira
Fonte: Brazilamzon 

Figura 5. Antigo Educandário de Cotijuba (Antiga Ruína de Presídio na Ilha de Cotijuba)
Fonte: www.vilacotijuba.com.br


4. CONSIDERAÇÕES FINAIS

O software Google Earth Pro é uma excelente ferramenta para mapeamento da infraestrutura turística e representação de mapas de Cotijuba, podendo ser largamente empregado em trabalhos semelhantes a este. No entanto, é preciso compreender os princípios básicos da Cartografia Temática e a operacionalização do software para poder elaborar tais produtos. Nesse caso, conseguimos demonstrar tanto as principais praias de Cotijuba quanto os atrativos e potencialidades na praia do Vai-quem-quer na Ilha de Cotijuba em Belém.


Você precisa de um mapa? Georreferenciado? É de que lugar? Para Tcc, artigo, dissertação ou Tese?  Ligue!! 091 (8306-5306) - WhatApp


5. REFERÊNCIAS


MENEZES, P; FERNANDES, M. Cartografia Turística: Novos conceitos e antigas concepções. http://www.ligiatavares.com/gerencia/uploads/arquivos/8d0501cb414b2e62687c91ae52e91f4a.pdf

Google Earth Pro. Disponível <www.earth.google.com>